Notícias

Madeira serrada terá norma técnica

Notícias

25/01/2017

A partir da normalização, indústria espera ampliar uso do produto no mercado interno

No próximo dia 31, em Curitiba (PR), a Comissão de Estudos (CE) da ABNT para madeira serrada realiza a primeira reunião de 2017 para avançar nas discussões do texto-base da norma técnica. Estarão em pauta terminologia da norma geral, além das partes 1 (requisitos) e 2 (métodos de ensaio) da norma de madeira serrada para construção civil. Os projetos de normas serão desenvolvidos de acordo com o uso, incluindo, além da construção, embalagens, móveis, transportes e uso geral. São convidadas a participar da reunião todas as partes interessadas no tema.

Na avaliação da Abimci, a consolidação do conteúdo da norma técnica vai proporcionar a necessária padronização do uso da madeira serrada no Brasil, para os diversos fins, em especial na construção civil, principalmente com o desenvolvimento da norma brasileira para o sistema construtivo wood frame, no qual a madeira serrada, seja estrutural ou não, tem fundamental participação.

“Daremos um grande passo, porque desde a publicação da norma de desempenho da construção civil, a NBR 15.575, há a necessidade de que todo produto ou componente construtivo seja normalizado. Garantir a conformidade aos produtos contribuirá para o aumento do uso da madeira no mercado nacional e a possibilidade de inserir os produtos madeireiros no escopo de financiamento junto a órgãos oficiais”, afirma o superintendente executivo da Abimci, Paulo Pupo. Da produção nacional, 80% é destinada ao mercado interno, sendo a maior parte utilizada pela construção civil.

A partir do alinhamento dessa reunião, a expectativa do setor de madeira é avançar no desenvolvimento da norma. Durante a reunião também será definido um cronograma de trabalho para o ano. Outras informações podem ser obtidas pelo email cb31@abnt.org.br.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação Abimci – Interact Comunicação